O presente já é o futuro do trabalho!

julho 20, 2020 5:52 pm

A diferença entre passado, presente e futuro é somente uma persistente ilusão”. Albert Einstein, 1955.

Na série DARK do Netflix os personagens vivem realidades paralelas onde o futuro e o presente se encontram. O mesmo está acontecendo agora, quando prevíamos o futuro do trabalho ele aconteceu e quando percebemos já estávamos vivendo o futuro no presente!

É seguro dizer que todos já passamos por muita coisa, mas uma das qualidades mais agradáveis dos seres humanos é nossa capacidade de gerenciar (na maior parte) nossa resiliência.

Para nós, a resiliência é um dos principais temas de 2020. Assim, quando pessoas, empresas e países “voltarem ao normal”, nós gostaríamos de compartilhar algumas ideias (como colaboradores) sobre o que é mais importante.

Temos que voltar ao escritório?

Nem todo mundo vai querer voltar ao escritório. Portanto, antes de solicitar um retorno ao escritório, você deve avaliar o nível de conforto que as pessoas têm com o retorno e usar seus comentários para gerar mais confiança no processo.

Empatia é crítica

A empatia sempre foi importante. O que é diferente sobre o estado atual das coisas é que a vida para muitos mudou dramaticamente. Com essas mudanças, também surge uma enxurrada de emoções, e é crucial que as empresas e os líderes apoiem seus colaboradores e lembre-se de que todos estamos lidando com essas mudanças, alguns mais do que outros.

Às vezes, as melhores distrações são apenas mais distrações (positivas); portanto, criar um espaço para as pessoas discutirem coisas além do trabalho pode criar camaradagem e conexão no momento em que é mais necessário.

Abra espaço para conversas

“Black Lives Matter”, disparidade econômica, aumento do desemprego e um foco maior na saúde mental estão entre alguns dos tópicos que estão na mente dos colaboradores.

À medida que as pessoas retornam ao trabalho, as expectativas dos colaboradores reforçam a necessidade de experiências mais equitativas no trabalho.

Portanto, a criação de espaços para conversação e ação ajudará os colaboradores a formar um senso de comunidade e impulsionará a mudança que os colaboradores desejam ver.

Cuidar daqueles que cuidam dos outros

A imensa pressão que a pandemia causou aos pais e cuidadores pode ser parcialmente aliviada pelas empresas e gestores, perguntando o que pode ser feito para ajudá-los.

Bem-estar para todos

O bem-estar não é algo novo, mas tornou-se cada vez mais importante nos corações e mente dos colaboradores. Os dados da Hero365 descobriram que, entre os colaboradores da Geração Z, houve um aumento de 28% na discussão sobre o tema.

Esse crescimento é mais que o dobro do da geração X (13%) e mais de quatro vezes o do grupo Baby Boomer, que teve um aumento de 6%.

Fadiga com zoom, falta de conexão social, exercícios remotos e a quantidade crescente de comida para viagem que consumimos desempenham um papel em nosso desafios de bem-estar físico e mental.

Priorizar a saúde mental e física não é apenas a coisa certa a fazer, é bom para os negócios.

Segurança acima de tudo

Ninguém quer ficar doente e ninguém quer ser a pessoa que deixa os outros doentes. As lições aprendidas dos países que estão virando a página sobre a pandemia nos dizem que medidas de segurança e precaução são a coisa mais importante que afeta a capacidade das pessoas de voltar ao escritório.

Portanto, siga as orientações da OMS e de qualquer recurso regional respeitável para saber quais medidas tomar para proteger a segurança dos colaboradores, pois ela varia em diferentes locais.

Dobrar a empatia

Seria negligente se não reconhecesse o papel de obrar essenciais no varejo, restaurantes e saúde. Gostaríamos de pensar que as sugestões acima se aplicam amplamente a todas as funções, mas algumas são mais impactadas que outras.

O que podemos dizer é: seja gentil com aqueles que estão por aí trabalhando no meio da pandemia.

Todo mundo está lidando com alguma coisa, isso se aplica hoje mais do que nunca. À medida que todos concordamos com mudanças em nossas vidas pessoais e profissionais, podemos encontrar força e apoio uns com os outros”. Diz Isabela Oliveira, Psicóloga da Hero365.

Seja gentil e fique seguro!