A importância do sistema de recompensas na qualidade de vida do colaborador

dezembro 4, 2019 11:41 am

Todos nós conhecemos a maioria dos benefícios que as empresas oferecem hoje em dia, vale transporte, vale alimentação/refeição, cesta básica, plano de saúde/odontológico e, de vez em quando, pra quem tiver sorte, a participação nos lucros. 


Mas, arrisco dizer que nessa constante evolução do mercado profissional, esses benefícios não serão mais um fator tão atrativo assim. 

Recompensas na Hero365


Em uma organização, podemos encontrar pessoas como a Claudia, ela atua na área de Recursos Humanos. Aos finais de semana e feriados, Claudia gosta de visitar os pais que moram no interior de Minas Gerais, ela tem uma filha pequena que gosta de brincar de barbie, e além disso, Claudia não passa uma semana sem ir para a terapia. 

Nessa mesma organização, encontramos pessoas como o André, que por sua vez, atua na área de Vendas. André tem medo de viajar de avião, ele tem 3 gatos em casa, o Snowball, o Conrad e o Dusty. André não passa um dia sem tomar suas 5 xícaras de café

Encontramos um universo de pessoas com suas subjetividades em cada esquina que passamos. Isso não é diferente dentro das organizações. Concorda que cada pessoa tem um motivo para valorizar benefícios diferentes e flexíveis? 

Estamos começando a ouvir mais sobre benefícios flexíveis, o que parece ser um bom sinal. Está surgindo a consciência de que mecanismos de recompensas ajudam a motivar os colaboradores e atrair e reter novos talentos.

Por sua vez, essas recompensas podem visar dar respostas às necessidades específicas de cada colaborador, sendo tão distintas quanto os seus estilos de vida e as suas subjetividades. Deixando de lado aqueles benefícios estáticos (que são atribuídos de forma igual a todos os colaboradores), e implementando uma forma de escolha dos benefícios pelo próprio colaborador. 

Claudia e o André possuem rotinas completamente diferentes, o que fará com cada um deles dar importância ou não ao um benefício, com certeza, são seus estilos de vida. Os benefícios e recompensas sendo flexíveis, satisfará as necessidades de ambos. 


Ainda assim, é preciso cautela na implementação de um modelo com benefícios flexíveis. É preciso definir quais serão, deixando claro as regras e vigência dos mesmos. 

A implementação desse novo modelo tende a ser positivo, pois trata-se da promoção da qualidade de vida e do equilíbrio entre a vida profissional e a pessoal dos colaboradores.


Se você pudesse escolher benefícios flexíveis, quais seriam? Conta pra gente!